quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

Linguiça calabresa aperitivo



Ingredientes:

2 gomos de linguiça calabresa

3 colheres de óleo
2 cebolas grandes
1/2 pimentão verde
1/2 pimentão vermelho
Orégano
Sal
5 colheres (sopa) shoyu

Modo de Preparo:

Frite a linguiça cortada em rodelas finas, depois de fritas
Junte a cebola cortada ao meio (de comprido) e fatiada (na transversal), os pimentões fatiados e deixe cozinhar uns 8 minutos
Não deixe a cebola e pimentões muito moles, coloque orégano a gosto, shoyu e somente após o shoyu prove se é necessário colocar sal
Coloque em uma travessa
Sirva com fatias de pão italiano
É ótimo para um lanche ou apenas com pão italiano como petisco
Com cerveja ou vinho

quinta-feira, 21 de janeiro de 2016

Creme de leite condensado com gelatina de limão



Ingredientes:

1 lata de leite condensado
2 latas de leite (utilize a lata de leite condensado como medida)
mais 1/2 copo de leite
2 ovos
2 colheres de sopa de amido de milho
2 pacotes de gelatina sabor limão
6 colheres de sopa de açúcar
4 copos de água (para fazer a gelatina)

Modo de preparo:

Em uma panela coloque o leite condensado, as duas medidas de leite e as gemas e leve ao fogo, mexendo sempre
Acrescente o amido de milho dissolvido em meio copo de leite frio e deixe cozinhar, mexendo sempre para fazer um creme
Coloque esse creme em forma refratária de vidro e coloque na geladeira
Dissolva bem a gelatina em dois copos de água quente
Adicione duas colheres de açúcar e dois copos de água fria, mexendo bem para dissolver
Bater as claras em neve (em ponto de suspiro) com quatro colheres de açúcar
Misture muito bem esse suspiro com a gelatina fria, mas ainda líquida
Coloque essa mistura da gelatina delicadamente sobre o creme do leite condensado
Levar à geladeira por cerca de quatro horas.

quarta-feira, 20 de janeiro de 2016

Lembracinha do meu casamento: pílulas do amor

Oi pessoas lindas!!!

Olha eu aqui outra vez falando das coisinhas do meu casamento... Dessa vez sobre a lembrancinha que fiz: pílulas do amor na latinha.

Muito simples e você poderá fazer para qualquer evento.
Você precisará de comprar as latinhas, papel adesivo, saquinho de celofane, fitilho e balinhas com formato de coração (ou confeito de açúcar sabor morango).


Fiz um post na época que confeccionei as lembrancinhas ensinando como fazer o adesivo para a tampa da latinha:



terça-feira, 19 de janeiro de 2016

Como fiz o meu buquê de noiva

Oi gente!!!

Como contei aqui para vocês fiz várias coisas para o meu casamento ...
Desta vez, vou compartilhar um vídeo que achei no Youtube que ensina como fazer buquê de noiva, é fácil e fica lindo!
No vídeo ensina como fazer com flores naturais, mas como precisava ganhar tempo fiz o meu com flores artificiais, pois podia fazer com muita antecedência e deixar embalado e guardadinho até o grande dia. Decorei com fita de cetim e pedrinhas de strass.

Vejam como ficou o meu:







Usei essas flores aqui:

E usei cola quente para arrematar os detalhes:


Vejam o vídeo que ensina como fazer um buquê com flores naturais:




domingo, 17 de janeiro de 2016

Nossa viagem a Porto Seguro: só mais um dia...

Só mais um dia... em Porto Seguro

Oi pessoas lindas!!!

Hoje vou contar sobre o último dia da nossa viagem... Oh saudades!!!

Gostamos tanto de Porto Seguro que resolvemos ficar mais um dia (essa é a vantagem de ir de carro, pode ficar quantos dias quiser) para aproveitar ainda mais essa cidade tão maravilhosa com suas praias lindíssimas. Aí conhecemos o hotel Kalifórnia , aonde nossos amigos estavam hospedados, aí sim valeu apena: valor acessível, mais barato do que a outra que ficamos os outros dias, muito limpinho e organizado, mais espaçoso, com dois quartos e até uma área para estender as roupas molhadas da praia. E melhor: fica no centro de Porto Seguro, perto de tudo. Adorei o lugar!!! Pena que não tínhamos descoberto esse hotel antes. Da próxima vez que voltarmos à cidade ficaremos lá com certeza.
Fomos mais uma vez em Coroa Vermelha e à noite na Passarela do Álcool...
Centro da cidade


Amei a viagem e da próxima vez iremos conhecer outros lugares que não deu tempo de ver como a cidade história, Arraial d’ Ajuda, entre outros...

 Partiu Brasília!!!



sábado, 16 de janeiro de 2016

Nossa viagem a Porto Seguro: Trancoso

Oi pessoas lindas!!!

Hoje vou contar sobre a nosso passeio a Trancoso..
No quarto dia fomos para Trancoso. Quem vai a Porto Seguro, precisa conhecer Trancoso, que fica há duas horas de lá. No local, você vai conhecer o famoso “Quadrado“, que é uma vila de casas coloridas com bares, lojas, restaurantes. Mas como nossa intenção era curtir a praia acabamos nem passando por lá.

Existem várias praias em Trancoso, pegamos um caminho e fomos parar na praia dos Coqueiros. 






Deixamos o carro em um estacionamento improvisado e o homem que fica por lá cobrou R$20,00 para cuidar do carro, como o lugar grátis de deixar o carro era muito  longe optamos em pagar: achei um absurdo, mas tudo bem, melhor que chegar na volta e o carro está detonado. Mas adoramos o lugar, achei belíssimo, foi um dia muito prazeroso, vale a pena conhecer.
Na volta para reduzir o percurso viemos de balsa. Pagamos R$ 13,00 para levar o carro e economizamos muitos quilômetros.

Foi bem divertido!!!!


sexta-feira, 15 de janeiro de 2016

Nossa viagem a Porto Seguro: Praia de Coroa Vermelha

Praia de Coroa Vermelha

Oi pessoas lindas!!!

Hoje passei aqui para contar mais um pouquinho de como foi nossa viagem. Dessa vez sobre a maravilhosa praia de Coroa Vermelha.


No terceiro e quinto dia fomos para a praia de Coroa Vermelha, água tranquila, com piscina natural. Praia reconhecida como ponto de desembarque de Pedro Álvares Cabral quando chegou ao Brasil. Amei essa praia!!!
 Antes de chegar à praia é possível conhecer o museu do índio, o local da celebração da primeira missa no Brasil e marco do descobrimento do país, além da feirinha  de artesanato dos índios pataxós.




 

O dia nessa praia foi muito, muito agradável. Águas limpas, areia branquinha, mar tranquilo, fácil acesso, um visual lindíssimo, muitos coqueiros, água morna, na maré baixa é possível caminhar sobre o banco de corais e observar os ouriços e outros animais e plantas marinhas. No local é possível alugar caiaques por R$ 10,00. Minha filha e o namorado alugaram e adoram ficar 40 minutos no caiaque nas águas tranquilas de Coroa Vermelha: super seguro e divertido. Essa praia é ideal para levar crianças.


 Curtindo um solzinho...





quinta-feira, 14 de janeiro de 2016

Nossa viagem a Porto Seguro: Vida noturna

Vida noturna em Porto Seguro

O agito noturno em Porto Seguro é dividido em duas partes. A primeira consiste em bater perna, no comecinho da noite, na Passarela do Descobrimento (Passarela do Álcool). A rua fica no Centro e é repleta de coloridas construções coloniais do século 17 que abrigam bares com música ao vivo, restaurantes, lojas e butiques. Ao anoitecer, o espaço é invadido por barraquinhas de artesanato e de batidas – entre elas, o típico Capeta, à base de vodka, guaraná em pó e leite condensado.


Por volta da meia-noite é hora de partir para alguma festa, que não termina antes do dia clarear. As festas ocorrem nas principais casas noturnas e barracas de praia. Criaram uma agenda fixa com eventos todas as noites (cada noite em um lugar), de domingo a domingo. Na programação, luaus com direito a fogueiras e apresentação de axé e forró nas barracas Axé Moi, Tôa-Tôa ou Barramares; e shows nas boates Alcatraz, Transilvânia ou Ilha do Pirata.

Optamos pela primeira opção: Passarela do Álcool!!! Andamos bastante e comemos umas besteirinhas...rs. Muitas coisas interessantes, mas só olhei e não comprei nada, porque comer e gastar é só começar... rs. Gostei muito mesmo. 
Comendo delícias pela cidade

O que comer em Porto Seguro

A culinária baiana traz pratos bem temperados como moqueca, bobó e acarajé e que também fazem parte dos cardápios dos restaurantes em Porto Seguro. Mas para quem prefere não arriscar, como eu, ainda mais estando em uma cidade que exige disposição 24 horas por dia, a oferta gastronômica conta com pizzarias, creperias e restaurantes de cozinha internacional. Já para aqueles que gostam de experimentar um pouco de tudo, há self-services.  A maioria dos restaurantes se concentra na Passarela do Descobrimento (Passarela do Álcool), mas as barracas de praia também oferecem ótimas opções de petiscos e  refeições à base de peixes e frutos do mar.



Pudim de morangos



Ingredientes:


1 lata de leite condensado
1 lata de creme de leite
a mesma medida de leite
1 gelatina vermelha(uso 2 )
1 envelope de gelatina sem sabor(uso 2 ou para ficar firme)
1 caixa de morangos
1 1/2 xícara de água (para dissolver a gelatina)

Modo de preparo:

Dissolva a gelatina vermelha e a sem sabor na água quente. 
Bata todos os ingredientes no liquidificador, menos o morango. 
Corte a metade dos morangos em pedacinhos e coloque numa forma com o creme. 
Deixe gelar por 2 horas e pronto!!! Decore com o restante dos morangos.

quarta-feira, 13 de janeiro de 2016

Nossa viagem a Porto Seguro: A chegada

A chegada

Oi gente!!!

Hoje vou contar um pouquinho para vocês como foi a chegada a Porto Seguro...
Caminho para a pousada... Que vista mais linda!!!

Chegamos de carro ao centro da cidade e  fomos a procura da pousada que ficaríamos por 5 dias. Achamos a pousada Lua de Tomate, o padrão não era o que estamos acostumados, achei que a limpeza do banheiro não era das melhores, o quarto era muito apertado para 4 pessoas, o colchão da cama de solteiro era muito fino e doía as costas de quem deitasse ali e muito distante do centro, mas bem próximo de praia de Mutá e de Coroa Vermelha.

Ponto de referência para a entrada na rua da pousada


Imagens que representam  Santa Cruz Cabrália que é bem próximo à pousada

No primeiro dia, chegamos às 19h e só deu para dar um pulinho na praia e ir atrás de comida. Na praia de Mutá achei a vida noturna muito parada, com apenas 2 restaurantes na orla funcionando... aí resolvemos comer na pousada mesmo, pois estávamos exaustos da viagem.

No dia seguinte ficamos na praia de Mutá, estava nublado e aproveitamos para fazer uma caminhadinha básica na orla.





 À noite fomos conhecer a vida noturna de Porto Seguro que está localizada bem no centro da cidade: a Passarela do Álcool.

Gostei muito!!!



terça-feira, 12 de janeiro de 2016

Caminho de Brasília para Porto Seguro

Oi pessoas lindas!!!

Hoje passei aqui para contar um pouquinho da minha viagem a Porto Seguro. Primeiro vou contar como foi o caminho daqui de Brasília até Porto Seguro.
Eu e meu marido (Alexandre) estávamos doidinhos para viajar para a praia e levar minha filha (Vívian), que ainda não conhecia uma praia, mas a grana estava um pouco curta devido aos gastos que tivemos com o nosso casamento... aí pensamos, pensamos e resolvemos que iríamos, mas para economizar fomos de carro. Convidamos também o namorado da minha filha (João Henrique) que também não conhecia o mar. Chamamos também alguns amigos nossos, que enrolaram, enrolaram... e na pressão... rs... conseguimos convencê-los o Saulo, Mariana e seu filho Vinícius.
Saímos no dia 02 de janeiro e nossos amigos no dia 03. Na ida fomos pelas estradas mineiras no seguinte sentido: Unaí (porque saímos de Sobradinho-DF, dependendo de onde sair do DF o trajeto pode alterar um pouquinho), Paracatu, João Pinheiro, Montes Claros, Salinas. 
Saindo de Brasília às 5h



Estradas de Minas bem tranquilas


 No percurso pegamos 2 pedágios em Minas e 1 em Vitória da Conquista - BA.



O Google Maps e o nosso GPS foram grandes amigos durante o percurso, pois existem alguns trevos no caminho que podem te confundir.
Dormimos em Salinas em um hotel que fica bem na entrada da cidade, chamado Renascer Palace, pagamos R$ 180,00 por um quarto quádruplo com wi-fi e café da manhã e outras coisinhas.
 Vista do quarto

No dia seguinte saímos às 8h, pois o café da manhã é servido às 7h 30min. No trajeto vimos que após 1 hora de Salinas, ao lado do trevo para Vitória da Conquista havia outra opção de hotel e indicamos para nossos amigos que estavam vindo.


Hotel Cariri, onde nossos amigos se hospedaram
Fica 1 hora depois de Salinas

 Passamos por Vitória da Conquista, após passar pela cidade indo pela BR-415 tem uma descida bem íngreme, cheia de curvas bem fechadas (tem que ir bem devagar que esse momento é tenso!!) é bem próximo a um local chamado Balneário Portal das Águas. Muita atenção e prudência nessa hora.Veja abaixo o print do mapa:


Seguimos viagem e em seguida, a estrada estava com animais soltos próximo à pista. Passando por Itapetinga, numa descida, um boi sai correndo do mato e atravessa a pista e por sorte só quebrou o retrovisor do passageiro... eu ainda dei a ideia de descer e procurar o vidro do retrovisor e nada... só vimos o boi correndo pela pista, um perigo!!! (acionamos o seguro quando chegamos em Porto Seguro)... E lá fomos nós após o susto.
Achando que já bastava de tanta emoção... rs... pegamos a BA-680 (Tinha mais buracos do que um queijo suíço... rs... 38 km de buracos de todos os tamanhos, o que gastaríamos por volta de 1 hora, gastamos umas 2 horas, porque tem que ir devagar senão já era pneu e suspensão) péssima estrada e lógico alguns carros quebrados durante o trajeto.

Mas quando chegamos na BR-101 foi uma tranquilidade, pista ótima!! Foi como um oásis no meio do deserto. Seguimos para Eunápolis e chegamos a Porto Seguro.

Na volta pensamos em voltar pela Bahia, mas muitas vídeos de Youtube com pessoas que passaram por lá recentemente não indicavam o trajeto, então voltamos pela mesma estrada da vinda. O único erro foi que saímos às 8h achando que daria para chegar em Montes Claros até às 20h, mas pegamos uma baita de uma chuva e atrasamos para chegar. Nossos amigos foram um pouquinho na frente e conseguiram um hotel e já indicaram onde deveríamos ir. Ficamos no Hotel Dupere, que fica bem no centro de Montes Claros. Chegamos por lá depois da 23h. (No trajeto depois de Salinas até Montes Claros não achamos nenhum lugar legal para passar a noite, por isso tivemos que ir até lá mesmo. O hotel Dupere ficou para os 4 no valor de R$ 252,00, mas era bem aconchegante, com internet, café da manhã: gostamos muito do local).
Depois de Montes Claros, apesar da chuva, foi até tranquilo o restante do trajeto. Chegamos em Brasília às 20h.
Após a experiência, ainda prefiro viajar de avião que é muito mais tranquilo, mas se preciso for irei outras vezes de carro. O importante é está descansado, ter uma boa noite de sono, pois a estrada dá muito sono, o carro tem que ir antes na revisão e observar sempre os itens de segurança do carro e dos passageiros. Prudência no trânsito é a palavra chave para quem está dirigindo.


Mas resumindo:Amei a viagem!!! As paisagens pelo caminho são lindas!!!