quinta-feira, 31 de dezembro de 2015

Feliz 2016 !!!

FLAN DE IOGURTE COM MARACUJÁ


Ingredientes:


Para o flan:

  • 1 lata de leite condensado
  • 1/2 lata de suco de maracujá concentrado ( usar a lata de leite condensado como medida )]
  • 2 copos de iogurte natural 170g cada
  • 1 envelope de gelatina em pó sem sabor preparado conforme indicação do fabricante

Para a calda:

  • Polpa de dois maracujás
  • xícara de chá de água
  • 1/2 xícara de chá de açúcar


Modo de preparo:

Bater todos os ingredientes do flan no liquidificador
Colocar em uma forma de sua preferencia untada levemente com óleo
Levar a geladeira de um dia para o outro
Levar ao fogo os ingredientes da calda
Deixar reduzir por 15 minutos mais ou menos
Desenformar o flan

Colocar a calda fria e servir.

quarta-feira, 30 de dezembro de 2015

Caderno de mensagens do meu casamento

Oi pessoas lindas!!!

Ainda falando das coisinhas que fiz na época do meu casamento, trouxe hoje finalizado e assinado o meu caderno de mensagens. Já tinha postado ele aqui, como tinha ficado externamente mas faltou a parte interna.




Usei Canson 140 g na cor creme para imprimir os textos que colei no caderno.

Identificação:

Oração pedindo a benção de Deus em nossa vida:

Nossa história de amor:


Informações sobre o dia do nosso casamento:


Nomes dos nossos pais:


Nossos padrinhos:


Nossa mensagem aos convidados:



Recadinhos dos convidados:








Amamos os recadinhos e a presença de cada um!!!


Gostaram? Quer aprender também como fazer? Veja o post que publiquei com o link do vídeo da artesã que ensina como fazer.



Para encomendas entrar em contato pelo meu e-mail (gisellefarias@yahoo.com.br)




terça-feira, 29 de dezembro de 2015

Convite do meu casamento

Oi pessoas lindas!!!

Como falei aqui anteriormente, meu casamento ocorreu no final de outubro. Mas coincidiu com vários eventos nas duas escolas que trabalho e aí já viu: Vida de professora, noiva, mudança de casa e outros tantas coisas... acabei deixando de postar aqui no blog sobre esse momento tão feliz de minha vida. Agora estou de férias e vou aproveitar para postar algumas coisinhas que preparei e que poderão ajudar algumas pessoas.
Hoje trouxe aqui para vocês o convite que preparei para o meu casamento. Foi uma grande economia, mas deu um trabalhinho... mas foi uma grande alegria, pois consegui fazer o meu próprio convite.
Veja só como ficou:


Usei papel color set gramatura 200g na cor vermelha (parte externa) e na cor branca (para o texto), fita de cetim nº 03 vermelha, pedrinha de strass de acrílico (uma cartela vem 700), papel de seda (para os nomes dos convidados - imprimi na minha impressora mesmo), cola quente para colar a fita de cetim (faz a volta no convite), papel adesivo (onde imprimi o brasão com as nossas iniciais - peguei o modelo na internet e editei no word), os convites individuais imprimi no Canson branco 200g e mini clips dourados.


Pegar a folha vermelha e dobrar em 3 partes conforme modelos abaixo:

Eu fiz 200 convites ao todo, por isso montei um molde para fazer as marcações com mais facilidade. Usei também uma caneta da ponta seca (sem tinta) para riscar as marcações no papel e depois dobrar corretamente.
A aba superior tem 3 cm, o centro 16 cm e a aba inferior 10,5 cm.


Imprimi o texto do convite num retângulo com as seguintes proporções: 21 cm x 15 cm, com a folha na horizontal.


Recortei e passei fita dupla face no verso (não usar cola, pois pode ficar com acabamento ondulado, já a fita dupla face dá um aspecto mais profissional, pois não fica nenhuma marca no papel).


Ao colar deixe 0,5 cm em cima e 0,5 embaixo, deixando o convite bem centralizado, antes de colar faça um teste de o nome dos noivos aparece corretamente, pois alguns textos podem ficar curtos ou longos, fazendo diferença na posição dos nomes dos noivos.
A imagem abaixo mostra como ficou o convite aberto.

Na edição do texto coloquei essas flores com arabescos para decorar (achei a imagem na internet). Escolhi uma mensagem que achei interessante para colocar no topo do convite, abaixo dos nomes dos noivos vem os nomes dos pais e em seguida o texto com as informações importantes sobre o casamento (Nome da igreja, endereço, dia e horário). Coloquei o endereço do site que contratamos para os convidados fazerem a confirmação da presença. E ao final do convite colocamos outra frase.


Usei o papel Canson 180g  para a impressão dos convites individuais e o site dos presentes. Montei uma tabela e digitei o texto abaixo. Numa folha deu em torno de 20 convites individuais.


Dica: se quiser fazer seu próprio convite, faça com bastante antecedência, para que fique com um bom acabamento. Confirme a data na igreja e salão de festa e mãos à obra. Demorei uns 20 dias para concluir todos, pois devido ao trabalho não sobrava tanto tempo disponível.
Espero que tenham gostado!!!



Para encomendas entrar em contato pelo meu e-mail (gisellefarias@yahoo.com.br)

Casamento: da recepção ao fim da festa

Oi gente linda!!!

             Trouxe mais algumas dicas para você, que assim como eu, vai casar e está com algumas dúvidas. A dica de hoje é sobre a recepção ou festa de casamento.

            Por tradição, uma recepção festiva é oferecida aos convidados, logo após a cerimônia religiosa ou civil do casamento. Muitas pessoas estão optando em mudar essa tradição e levar os amigos para uma pizzaria ou churrascaria e comemorar ali este grande momento, mas outras ainda são tradicionais.
            Mas se o seu casamento será tradicional, como o meu será é necessário ficar atento a algumas dicas...
           Primeira dica é sobre o horário da recepção: Quando se deseja oferecer um jantar é melhor que o casamento seja à noite; quando se pretende oferecer um almoço aos convidados, que o casamento seja ao final da manhã., e quando se pretende oferecer um chá ou coquetel, que seja entre o meio e o final da tarde.           Do ponto de vista do brilho da festa, o horário noturno é mais favorável. O meu será à noite, por gostamos muito de dançar e se divertir.
         Do ponto de vista prático os horários da manhã e da tarde podem conciliar melhor o embarque para a Lua de mel, e do ponto de vista econômico o horário da tarde permite recepções menos caras.
        Um coquetel oferece a possibilidade de convite a um maior número de pessoas porque é mais fácil de servir, e pelo mesmo custo de um jantar pode incluir um número dobrado de convidados. Por esta razão pode ser preferido quando não se deseja gastar demasiado com a recepção, mesmo que o casamento seja no início da noite. O coquetel no salão da Igreja, consistindo do tradicional bolo com champagne, pode ser ainda mais conveniente. O jantar é o mais oneroso, tanto para os anfitriões quanto para os convidados, porque as despesas com a recepção ficam maiores e os trajes de noite são mais formais e caros.
       As recepções mais dispendiosas são oferecidas, em geral, somente a um grupo seleto de convidados, e por isso muitos amigos do noivo e da noiva, colegas de trabalho, pessoas conhecidas que lhes têm estima, etc., poderão receber apenas o convite geral para a cerimônia religiosa, sem o convite para a recepção. Este dirá: "os noivos receberão os cumprimentos na Igreja". Quando for o caso, o convite para a recepção, impresso à parte, será enviado no mesmo envelope, e indicará o local onde terá lugar após a cerimônia civil ou religiosa. As pessoas menos próximas entenderão o motivo de não serem contempladas, mas a limitação é por natureza difícil e deixar alguém fora da lista poderá nunca satisfazer aos noivos ou a seus pais. Como os presentes são enviados aos noivos com antecedência, a relação dos que presentearam o casal poderá ser uma importante ajuda para a escolha, embora não deva ser absolutamente "um critério". A antigüidade do relacionamento, o número de pessoas da família dos noivos nele envolvidas também são outros tantos elementos que podem ajudar na decisão de quem convidar.           A recepção não é um simples chá, coquetel, almoço ou jantar, mas uma cerimônia integrada em uma celebração e esta vinculação se manifesta na própria presença dos noivos, nos brindes, na decoração, música, etc. Ainda que realizada de maneira muito simples, espelhada em folclore regional, a céu aberto e com muita dança e alegria, se o espírito da festa for respeitado, todos terão dela apenas recordações agradáveis e felizes.          Nas cidades, onde os anfitriões poderão dispor de mais recursos, as opções são maiores. Veja algumas opções de recepções:Chá. 

         O chá pode ser uma alternativa ao coquetel para as pessoas que não desejam beber ou oferecer álcool em suas bodas, e também não oferecerão almoço ou jantar como recepção. Em um chá não são servidas bebidas alcoólicas, o que levanta um problema quanto ao brinde, tradicionalmente feito com o champagne. O casamento deve realizar-se de modo que a recepção se inicie entre as 16:30 e as 17 horas. Havendo o casamento religioso é conveniente que seja um ritual mais breve, sem a missa (no caso da Igreja Católica.). O bolo do casamento com certeza deve ser cortado no início, e servido para acompanhamento do chá. Apesar de não representar uma recepção dispendiosa, o chá completo está longe de ser uma coisa simples: requer muito cuidado com a montagem do ambiente, os utensílios indispensáveis, o comportamento das pessoas, etc., a fim de se manter como um evento à altura da celebração.Coquetel 

             O Coquetel festivo e fica bem entre as 18 e 20 horas mas pode começar um pouco mais cedo, quando se deseja incluir dança no programa.. É talvez a forma mais prática de dar uma recepção, inclusive porque pode começar enquanto os noivos e seus pais ainda estão à entrada do recinto, na fila de cumprimentos. Os comestíveis no coquetel serão tão finos e variados quanto for possível. Bandejas mais caras como camarão grande, caviar, e outras iguarias finas, acompanhadas de um bom uísque evidentemente farão que o coquetel seja lembrado por mais tempo, mas também ficará muito bem apenas com pãezinhos, patês e torradas, empadinhas, um bom vinho nacional, refrigerantes, e água mineral. Após o serviço de bebidas e salgadinhos, - e de um prato quente, se houver -, são servidos os doces. Os noivos cortam o bolo e serve-se o champanhe. Depois que a noiva joga o buquê, a festa pode ser dada por terminada.Almoço ou jantar. 

             Refeições servidas com os convidados sentados, implicam mais despesa principalmente por requererem dependências mais amplas de apoio ao serviço e maior número de garçons. Porém, servidos em bufê ou à francesa (sentado), o almoço ou o jantar devem aproximar-se de uma refeição completa No salão estarão dispostas as mesas para os convidados, convenientemente revestidas e ornamentadas, com a louça, os cristais e a prata do serviço, e em geral um pequeno vaso de flores, além de um balde de gelo para o vinho branco. Haverá também uma mesinha isolada para o bolo e a mesa de lembranças. Nestas últimas estarão os pacotinhos com presentes alusivos às bodas, com um cartãozinho de agradecimento ao convidado pela sua presença.     Os pais dos noivos recebem os convidados e estes buscam as mesas que lhes foram designadas, ou escolhem onde sentar respeitando a mesa destinada aos noivos e seus pais. É logo servido um coquetel com salgadinhos finos, uísque e vinhos aperitivos, que transcorre enquanto os anfitriões transitam pelas mesas cumprimentando seus convidados, se já não o fizeram postados à entrada do salão. Quando os noivos chegam, são recebidos com palmas, e se dirigem para a mesa que lhes está reservada.

        No caso do almoço ou jantar servido no bufê,. além das mesas para os convidados, estão dispostos no salão uma mesa longa para o bufê, geralmente com rica ornamentação, na qual estarão dispostas as travessas e réchauds (rechôs) com os alimentos. A louça, os talheres, os guardanapos poderão estar em um extremo do bufê, mas contribui muito para um melhor efeito de conjunto que estejam já distribuídos nas mesas dos convidados. Em caso de um número maior de convidados, podem ser dispostos dois bufês iguais, o que evitará duas coisas: que as bandejas de alimentos tenham que ser constantemente substituídas e que se forme uma única e longa fila de comensais (exemplo de menu de almoço com bufê).
          Além do bufê, e das mesas menores das lembrancinhas e do bolo, haverá uma mesa de doces e outra de licores e café.
           As mulheres usam longos com brilho e jóias mais ricas à noite. 
Em um almoço, usam roupas sem reflexos, chapéu e jóias mais discretas. Os homens roupa escura de qualidade, no almoço ou no jantar, e nas recepções de maior requinte, traje a rigor.           A refeição tem início quando os noivos se dirigem ao bufê, onde terão seus pratos feitos, de acordo com sua escolha, por dois garçons, um que acompanha o noivo, outro que acompanha a noiva, e esta vem em primeiro lugar. É uma praxe que, após feitos os dois pratos, posem para uma foto o garçom da noiva, postado à sua direita, e o garçom do noivo, postado à sua esquerda, ambos com o prato na palma da mão esquerda.          Após os noivos, servem-se os pais da noiva e em seguida os pais do noivo, seguidos pela fila dos convidados.
          Ao deixar a recepção, cada convidado toma uma das lembrancinhas (Podem ser desde saquinhos com amêndoas com cobertura, bombons, etc., envoltos em um tule, até pequenas jóias, com um pequeno cartão no qual os anfitriões agradecem a presença dos convidados) que estão na mesinha decorada próxima da saída.
         Após o corte do bolo os noivos brindam entre si e com seus pais. 
Seguem-se discursos e brindes.
        Um conjunto contratado e que se apresente vestido convenientemente para o evento, toca música de fundo durante toda a recepção, e após a sobremesa e os brindes, animam a dança. Os primeiros a dançar são os noivos. Depois entram na pista os pais da noiva e do noivo. Os casais, após algumas poucas voltas pelo salão, trocam de par. 
A noiva dança com seu pai e o noivo com sua mãe, depois a noiva com o seu sogro e o noivo com sua sogra, enquanto o pai da noiva dança com a mãe do noivo e a mãe noiva com o pai do noivo.
         É feito um intervalo que é um momento de suspense: a noiva joga o seu buquê para o grupo de moças às suas costas e uma delas conseguirá pegá-lo. Nem sempre a noiva consegue jogá-lo precisamente para aquela que deseja que o pegue, apesar do estudo dissimulado que faz para o arremesso da coisa, e quase sempre a disputa leva a alguns encontrões, que, se as jovens não se refrearem convenientemente, poderão resultar em queda embaraçosa no salão.        Após o lançamento do buquê a festa está encerrada: os noivos se retiram para embarcar para a Lua de mel, ou para passar a noite de núpcias em um hotel ou em sua nova moradia. Os convidados poderão ainda ficar enquanto durar o contrato dos músicos para tocar.  Mas muitos casais modernos, gostam de curtir a festa até finalizar o horário que o local foi contratado e compartilhar este momento de alegria com os convidados. E no geral, as festas de casamento finalizam entre 2 e 4 h.

segunda-feira, 28 de dezembro de 2015

Viajando de carro


Oi pessoas lindas!!!

As férias chegaram!!!  Nada melhor que viajar... Este ano resolvemos viajar de carro, pois pelos nossos cálculos será bem mais econômico, e como este ano tivemos muitos gastos com o nosso casamento, planejamos e optamos por essa opção.
Por isso, trouxe hoje algumas dicas para quem também estará viajando de carro como nós.
1-   Levante os gastos: Calcule com antecedência quanto irá gastar de gasolina e pedágio, isso facilitará o controle financeiro da viagem. Não se esqueça de separar também um dinheiro extra para eventuais imprevistos, como pneu furado, carro enguiçado, acidentes ou qualquer outro acontecimento inesperado.
2-   Verificar as condições do seu veículo:
·      Com antecedência de pelo menos 15 dias, leve seu carro a um mecânico de confiança e faça a revisão, assim caso necessite de algum reparo terá tempo suficiente de realizar.

3-   Faça uma checklist com as coisas que devem ser verificadas em seu veículo:
·       Verificar as luzes do carro (farol, luz de freio, piscas). Estes itens devem ser checados com atenção, pois uma simples lanterna queimada pode provocar acidentes.
·         Verificar o combustível e o nível de óleo no motor.
·  Atenção redobrada com os pneus, pois devem estar calibrados de acordo com as especificações do fabricante do veículo, inclusive o estepe.
·  Verificar todos os filtros do carro, incluindo filtro do óleo, filtro de ar e filtro do condicionador de ar.
·    Os cintos de segurança devem estar regulados e em condições de evitar impactos em acidentes.
·        Verifique se os limpadores de para-brisas estão funcionando corretamente.
·   Dê uma atenção maior ao sistema elétrico do carro, basta fazer a revisão do nível de carga da bateria e do funcionamento do desembaçador traseiro.
·    Verifique também freios, direção, suspensão.
  

4-   A Carteira Nacional de Habilitação e o Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo original ou cópia autenticada pelo DETRAN são documentos obrigatórios.
Tenha em mãos e em dia o documento do carro, a carteira de motorista, o cartão do seguro automóvel e seus documentos pessoais e de cada passageiro. Caso seja parado por algum motivo, os documentos serão exigidos e eles devem estar em dia para evitar problemas.

5-   Estude bem o trajeto que irá realizar:
Nós compramos um GPS (item que está muito difícil de encontrar devido aos celulares que já possuem essa tecnologia), levaremos os celulares carregados caso o GPS dê uma pane, levaremos também um mapa rodoviário e lógico já estudamos o trajeto através do nosso amigo Google Maps. Além disso, assistimos alguns vídeos do Youtube  de pessoas que viajaram de carro nesse mesmo trajeto que faremos e ficamos atentos às dicas, pois nada melhor do que ouvir quem já teve uma experiência anterior.
Procure pesquisar o caminho que você fará na estrada até o seu destino. Verifique a quilometragem, os postos de gasolina, os pontos para parada de descanso, onde ficam os radares possíveis de multa e confira o máximo de informações para facilitar o trajeto.

6-   Crianças devem ficar sempre em bancos traseiros:
·      Para transportar bebês, o bebê-conforto é o meio mais seguro e deve ser utilizado desde o nascimento até a faixa entre 9 kg a 13 kg, dependendo do fabricante. O assento deve ser instalado no banco traseiro, com a criança voltada para o vidro traseiro para evitar o efeito chicote em caso de colisão ou freadas bruscas.
·       Crianças de 1 a 4 anos e peso entre 9 kg e 18 kg devem usar cadeirinhas próprias, instaladas de frente para o movimento. As tiras devem ficar sempre acima dos ombros e ajustadas ao corpo da criança. A cadeira estará bem afixada se não se mover mais do que dois centímetros, do contrário, coloque um clipe ou trava de segurança.
·      Crianças de 4 a 10 anos e de 18 kg a 36 kg devem utilizar o assento de elevação ou booster, presas com o cinto de três pontas. Nesta posição elas ficam mais altas e protegidas no ponto correto, sem correr riscos, já que o cinto não foi fabricado para o seu tamanho.
·       Crianças com mais de 36 kg e 1,45m de altura podem utilizar normalmente o banco traseiro.

7-   Descanse bastante antes de fazer viagens longas, e faça refeições leves, evitando a sonolência. Para viajar, o motorista precisa estar descansado e com a saúde em dia, caso contrário os reflexos diminuem e as chances de acidente aumentam. Sem falar em bebidas alcoólicas que são completamente proibidas.
 Dirigir por muitas horas deve ser evitado. Se possível, faça o revezamento da direção do veículo com outro motorista durante o trajeto e faça paradas regulares, mesmo que não esteja cansado. No nosso planejamento iremos escolher um hotel para descansar e seguir no outro dia.
8-   Não saia na hora do rush: Imagine que desagradável será começar a viagem logo no horário de maior fluxo de carros no trânsito, isso fará com que a viagem seja mais longa e cansativa. Por isso, escolha um momento de menor movimento no trânsito para começar bem a sua viagem.

9-    No seu planejamento inclua quais paradas previstas querem fazer, outras paradas alternativas no caso de emergência  onde tenha de preferência um posto de gasolina. Faça paradas estratégicas: É melhor demorar um pouco mais para chegar ao seu destino final, do que chegar completamente estressado e esgotado. Por esse motivo, faça algumas paradas estratégicas para esticar as pernas, ir ao banheiro ou fazer um lanchinho.

10-    Tenha em seu carro um carregador para seu celular: é muito importante ele está sempre carregado durante todo o trajeto.

11-   O motorista tem que respeitar a sinalização e a legislação de trânsito.
12-   Se for alugar um veículo, leia atentamente as condições de locação definidas em contrato e não assine notas ou faturas em branco.
13-   E não se esqueça: o consumo de bebida alcoólica e medicação que afete os sentidos  é proibido para quem vai dirigir. Um médico deve ser consultado sobre o uso de medicamentos antes de pegar a estrada.
14-   Leve sempre um lanchinho (água, biscoito, salgadinho, fruta), mas cuidado para não ser nada que suje seu carro inteiro. Quando ficamos durante horas no meio do nada, sentimos muita fome, e também sede. Então, você deverá levar comida, água pra beber, talvez um suco, ou até mesmo latas de refrigerante, sempre é melhor prevenir!
15-    Leve Cds com músicas legais, que agrade toda a família, afinal não adianta deixar as crianças felizes e os pais desesperados. Se tiver DVD de carro também é uma boa!
16-    Deixe as crianças levarem algum brinquedinho para ajudar a passar o tempo.
17-    Tenha sempre no porta luvas uma caixa de lenços de papel ou papel higiênico, para emergências!
18-    É importante levar medicamentos básicos (remédio para dor e febre, antialérgico, entre outros que você achar necessário) e repelente.
19-    Livros só se o carro estiver parado, pois faz mal para a vista ler com o carro em movimento.
20-   Não ostente objetos de valor;
21-   Estacione em locais movimentados e iluminados, e nunca deixar objetos de valor dentro do carro de forma visível;
22-   Ande com pouco dinheiro. Lembre-se que nós estamos de férias, mas os ladrões não! Portanto não seja negligente com os cuidados para sua segurança.
23-   Enfim façam deste momento em que todos estão juntos, um momento especial e divertido.

Mais dicas:


 Seguindo essas orientações e mantendo sempre a velocidade indicada sua viagem de carro será um sucesso!

Boa Viagem!



domingo, 27 de dezembro de 2015

Organizando sua mala de viagem: check list e dicas

Oi gente!!!

Hoje trouxe algumas dicas de como organizar a sua mala para viajar , pois muitas pessoas sentem dificuldade em saber o que levar.
Aqui postei algumas dicas de coisas que você poderá precisar na sua viagem, mas não é necessário levar tudo em todas as viagens, mas essa lista (que achei na net) pode ser útil para que você não esqueça de coisas importantes para a sua tão esperada viagem.
Ao final da listinha, postei algumas dicas de como organizar as suas coisas na mala.



Frasqueira:

    sabonete
    saboneteira
    shampoo
    condicionador
    shampoo do marido
    toca de cabelo
    silicone
    prendedor de cabelo
    elástico de cabelo
    escova de dentes
    pasta de dentes
    fio dental
    cotonete
    desodorante
    desodorante do marido
    perfumes
    perfume do marido
    escova de cabelo
    pente de cabelo
    cortador de unha marido
    kit unha (lixa para unha, esmalte, acetona, alicate, bastão, algodão)
    kit para costura (linha, agulha, tesourinha)
    pinça
    esponja
    espuma de barbear
    lâmina de barbear
    barbeador
    loção pós-barba
    tesourinha
    creme hidratante para o corpo
    óleo para o corpo
    depilador / gilete
    gel pra depilação
    azulen (pós depilatório)
    absorvente / OB
    bronzeador / protetor solar
    protetor labial
    jóias/bijuteria (brinco, anel, cordão, relógio, tornozeleira,...)
    estojo de maquiagem (demaquilante, batom, lápis, rímel, blush, sombra, base)
    secador de cabelo
    lenço de papel
    óculos de sol
    óculos de grau
    lente de contato extra
    Renu (para lente de contato)
    estojo da lente de contato
    soro



Outros:

    máquina fotográfica
    bateria extra para máquina fotográfica
    recarregador de baterias
    filmadora
    fitas
    recarregador da filmadora
    celular
    recarregador de celular
    kit de ferramentas para o carro
    lanterna
    pilhas
    adaptador de voltagem
    adaptador de tomadas .
    livros
    revistas
    balas, chicletes, chocolates, barra de cereais, água mineral
    jogos (damas, domino, gamão, baralho, xadrez)
    despertador
    Notebook, Ipad, Mp3
    saco de água quente
    cadeado para mala
    guarda chuva
    capa de chuva
    agenda telefônica
    chave de casa
    travesseiro de viagem
    protetor para claridade (venda dos olhos)
    protetor de ouvidos (para tampar os barulhos)
    bolsa plástica (para roupa suja e sapato)
    Guia 4 rodas / Mapa / revista de turismo
    caneta
    papel
    calculadora
    máscara de mergulho, repirador e nadadeiras
    CD´s/ Pen drives
    gel pra limpar as mãos (antibactericida)
    canivete suíço
    repelente de insetos
    inseticida de de tomada para o quarto
    ferro de passar roupa
    toalhas
    lençol
    travesseiro
    mochila
    pochete
    bolsa / mala extra de viagem
    porta dinheiro de tecido (para usar por dentro da roupa)
    porta moeda
Primeiros-socorros:

    telefones dos médicos
    termômetro
    band-aid
    mertiolate
    gelol
    remédio para queimadura
    remédio para queimadura de sol (Caladril)
    remédio para picada de insetos / antialérgico
    água-oxigenada vol. 10
    analgésicos (Tylenol)
remédio de nariz (Sorine)
    mel própolis spray
    pastilhas
    colírio
    remédios anti-enjôo (dramin)
    receitas de remédios vendidos só com prescrição médica
    anti-ácidos para estômago (Sal de fruta ENO)
    remédio pra prisão de ventre (Tamarine ou 46)
    remédio pra diarréia (Floratil)
    Luftal max
    remédios uso continuo
    remédios uso continuo (marido)
    camisinha
    KY
    lenço de papel

Documentos:

    passagens
    passaporte
    seguro de viagem
    cartões de crédito
    carteira de motorista
    talão de cheque
    dinheiro
    cartão do seguro/plano de saúde
    confirmação de reserva do hotel / pousada
    endereço e telefone do hotel / pousada (com mapa se possível)